Notícia

29/04/2011
Preços da construção civil devem subir, diz FGV

O Índice Nacional da Construção Civil (INCC) deve voltar a subir nos próximos meses, acredita o economista da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Salomão Quadros. Em março, o índice registrou alta de 0,43%, superior aos 0,28% de fevereiro. Desde dezembro, o indicador vinha apresentando trajetória de queda, que não deve se verificar no próximo mês, devido ao reajuste salarial de trabalhadores das obras.

A mão de obra representa metade do peso do índice e já acumula 8,85% de alta em 12 meses. Em março, a alta foi de 0,37%, ante os 0,02% do mês anterior. "O setor está aquecido e vai manter o INCC forte. O custo da mão de obra está crescendo acima da inflação. Todas as negociações salariais deste ano estão em torno de 9% ou 10%", disse Quadros.

Já o grupo de materiais e equipamentos passou de 0,56% para 0,52%, enquanto os serviços recuaram de 0,45% para 0,34%. Materiais, equipamentos e serviços avançaram 5,49% em 12 meses.

Também no período de um ano, o INCC acumula alta de 7,1%. "O INCC está muito próximo ao seu limite inferior, em torno de 7%", disse.

Fonte: InfoImovél